Atividade grupo
Qua, 02/04/2014 - 17:04
Já há cerca de 12 anos que tenho tensão alta, mas nunca dei muita importância por não ter dores, e por isso nunca tive grandes cuidados. Até que comecei a sentir mal-estar geral, fraqueza, cansaço, dores de cabeça… Pelo que decidi ir ao médico e fiz algumas análises e descobri que tinha um problema nos rins (insuficiência renal) devido à hipertensão. Entretanto fiz mais exames e os médicos viram que tinha também excesso da hormona aldosterona, um nódulo numa glândula acima do rim do lado esquerdo e um problema no coração. Depois comecei a fazer hemodiálise e a tomar medicamentos para a tensão alta. Depois fiz também um exame à visão em que os médicos também viram alterações e por isso comecei a fazer laserterapia que me ajudou a melhorar a visão. Já passou um ano desde que me fizeram este diagnóstico e ainda continuo a fazer sessões de laserterapia.
Comentar
mostrar comentários (5)
esconder comentários (5)
Seg, 07/04/2014 - 10:24
Quais são os valores para se considerar que é hipertenso?
Ter, 08/04/2014 - 18:41
Eu fui diagnosticada como hipertensa há 2 anos atrás. E não há ninguém melhor que um médico para fazer esse diagnóstico. Geralmente, só é realmente feito o diagnóstico de hipertensão depois de a pressão arterial ter sido medida pelo menos 3 a 6 vezes em consultas médicas, com intervalos de dias, semanas ou até meses . Mas o valor normal para uma pessoa saudável em repouso é 12/8.
Qua, 09/04/2014 - 19:13
Manuela não precisa de esperar meses para que o medico lhe diagnostique como hipertensa. Eu fui a uma consulta de rotina com o meu medico de família e tinha a tensão alta, ele aconselhou-me a passar na enfermeira 3 vezes durante essa semana, da parte da manha, e para esperar 30 minutos sentada na sala de espera antes de medir a tensão. Todas as vezes a minha tensão estava acima de 16/10.
Qui, 10/04/2014 - 12:49
Aos 37 anos também descobri que tinha tensão arterial alta através de medições casuais e fiquei bastante preocupada porque o meu pai (que entretanto faleceu) também tinha hipertensão arterial.
Na altura, fiz um ecocardiograma que estava normal e a minha função renal também estava bem, a fundoscopia (exame para avaliar o olho) apresentou discretas alterações, mas nada de grave.
Um ano depois continuava com a pressão arterial alta (a medicação não fazia efeito) e o meu médico pediu-me então para fazer uma ultra-sonografia e viu que estava com o rim direito mais pequeno que o normal.
Entretanto, fiz mais exames e descobriram que tinha rim em ferradura. No entanto, apesar de ter esta mal formação anatómica o meu rim funcionava bem. Mais tarde deixei de tomar captopril e passei a medir a tensão arterial em casa e os valores da minha tensão baixaram. O que aconteceu foi que o ambiente de consultório médico fazia com que ficasse inconscientemente mais nervosa e então os meus níveis de tensão arterial subiam e por coincidência tenho uma anomalia que fazia associar à hipertensão. Como o corpo humano é engraçado! :)
Ter, 15/04/2014 - 17:59
Aos 42 anos através de um exame de rotina no trabalho onde tinha 140/96 mmHg também percebi que era hipertenso, mas não tinha sintomas nenhuns. Além da pressão alta tinha diabetes e colesterol. Os meus 106kg num 1,70m, também não ajudaram.
Também fui encaminhado para o oftalmologista e fiz laserterapia.