Atividade grupo
Qua, 11/06/2014 - 15:16
Olá! O meu nome é Ana e há 4 anos que sofro com esta patologia. As dores são muito intensas e incapacitantes, já tentei todos os fármacos habituais para a dor neuropática e ainda assim as dores não passaram. Actualmente, estou medicada com duoloxetina, um penso transcutâneo de um derivado de morfina e clonazepam ao deitar.
Estou também a ser seguida em Santa Maria e à espera para fazer alguns exames, equacionando a hipótese de cirurgia. A todos aqueles que sofrem com esta condição, agradeço a partilha de experiências, terapêuticas, etc. Muitíssimo obrigada a todos e, em particular, a quem criou este site!